Sud express: dia 3, de hondarribia a donostia

“Já posso morrer” disse a João depois de provar a tarte de queijo no “la vina”, bar cujo nome acabei de confirmar sem sair da cama no hotel onde estamos, na rua 31 de dezembro mesmo no meio da zona velha de donostia.

Mas estou a adiantar-me. O dia começou por volta das 9h00 em hondarribia numa ” padaria lenta ” onde conhecemos um italiano casado com uma basca e a sua filha-dinossauro. Foi ele que nos falou de são Pedro e são Juan (esta segunda onde morou Vítor Hugo), duas terrinhas piscatórias nas margens do pasaia. Era suposto haver muitos sítios para pintxar, mas estava quase tudo fechado. No entanto valeu bem a pena o passeio. Comemos num belo bar “cutre” e cheio de locais e o passeio de são Juan (onde se chega em 2 minutos de barquito) ao mar foi 5 estrelas.

A viagem de autocarro entre hondarribia e donostia é bastante prática com paragens bem localizadas. Ao todo não andámos mais de 500 metros sem contar a paragem em são Pedro. Aí foram 1,5 km para cada lado.

Já em donostia instalados na pequena mas muito agradável pensão koxka, fizemos o plano de ataque aos bares que passou por 3 ou 4, muitos pintxos, muito txakolin e tarte de queijo para acabar, aquela boa de morrer…

VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
Para Partilhar, É Só Clicar...

Leave a Reply

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.